Song No. 41 — Meu Nome é Ninguém | Haroldo Barbosa & Luis Reis (1961)

Miltinho — Poema do Olhar (a)

Even though this samba canção was introduced in 1961 by Abílio Lessa on his first and only album Quando Canta o Trovador, Meu Nome é Ninguém is one of the songs that are irreversibly associated with the inimitable Milton Santos de Almeida, better known as Miltinho, who recently passed away on September 7th, 2014, at the age of 86.

Abílio Lessa’s original may have been little noticed when Miltinho, at the height of his popularity, released Meu Nome é Ninguém in January 1962 as A-side to Lembranças, scoring one of the biggest hits of the year with his rendition. Like Poema das Mãos, Volta or Mulher de Trinta, so too Meu Nome é Ninguém was one of the non-original songs recorded by Miltinho which quite rightly turned out to be best remembered for his versions.

Selected recordings of Meu Nome é Ninguém:

1. Miltinho from the album Poema do Olhar (1962, RGE XRLP 5162)

Miltinho — Poema do Olhar (a)    Miltinho — Poema do Olhar (b)

2. Moacyr Marques ‘Bijú’ from the album Samba Geléia (1962, Pawal P-20.015)

Moacyr Marques ‘Bijú’ — Samba Geléia (a)    Moacyr Marques ‘Bijú’ — Samba Geléia (b)

3. Héctor Costita from the album O Fabuloso Hector (1962, RGE XRLP 5171)

Héctor Costita - O Fabuloso Hector (1962) a    Héctor Costita - O Fabuloso Hector (1962) b

4. Pery Ribeiro from the album Pery Ribeiro e Seu Mundo de Canções Românticas (1962, Odeon MOFB 3272)

Pery Ribeiro - Pery Ribeiro e Seu Mundo de Canções Românticas (1962)

5. Sexteto Guanabara from the album Sorvete Dançante (1962, Musiplay LPM 1001)

Sexteto Guanabara - Sorvete Dançante (1962) a    Sexteto Guanabara - Sorvete Dançante (1962) b

6. Bola Sete from the album O Extraordinário Bola Sete (1962, Odeon MOFB 3275)

Bola Sete - O Extraordinário Bola Sete (1962) a    Bola Sete - O Extraordinário Bola Sete (1962) b
Art work for O Extraordinário Bola Sete with photograph by Francisco Pereira

7. Moacyr Silva from the album Sax Sensacional No. 3 (1962, Copacabana CLP 11250)

Moacyr Silva - Sax Sensacional No. 3 (1962) a    Moacyr Silva - Sax Sensacional No. 3 (1962) b

8. Luiz Bonfá from the album O Violão e o Samba (1962, Odeon MOFB 3295)

Luiz Bonfá from - O Violão e o Samba (1962) a    Luiz Bonfá from - O Violão e o Samba (1962) b

9. Aloísio Figueiredo from the album Na Ciranda do Samba (1962, Copacabana CLP 11259)

Aloísio Figueiredo - Na Ciranda do Samba (1962) a    Aloísio Figueiredo - Na Ciranda do Samba (1962) b

10. Biriba Boys from the album Biriba Boys Vol. 3 (1963, Chantecler CMG 2191)

Biriba Boys - Biriba Boys Vol. 3 (1963) a    Biriba Boys - Biriba Boys Vol. 3 (1963) b

11. Nelson Gonçalves from the album Na voz de Nelson Gonçalves (1963, RCA Victor BBL 1231)

Nelson Gonçalves - Na Voz de Nelson Gonçalves (1963) a    Nelson Gonçalves - Na Voz de Nelson Gonçalves (1963) b

12. Severino Filho from the album Metais e Vozes em Festival (1963, Polydor LPNG 4074)

Severino Filho - Metais e Vozes em Festival (1963)

13. Aécio Flávio aka Antonino Pellicciari from the album MGL Apresenta Sucessos do Momento (1963, MGL MGLP 2007)

Aécio Flávio aka Antonino Pellicciari - MGL Apresenta Sucessos do Momento (1963)

Selected medleys including Meu Nome é Ninguém:

1. Moacyr Silva from the album É Tempo de Samba (1963, Copacabana CLP 11291)

Moacyr Silva — É Tempo de Samba (1961) a    Moacyr Silva — É Tempo de Samba (1961) b

2. Miltinho from the album Miltinho ao Vivo (1965, RGE XRLP 5281)

Miltinho — Miltinho ao Vivo (a)    Miltinho — Miltinho ao Vivo (b)

3. Quarteto em Cy from the album Antologia do Samba Canção Vol. 2 (1976, Philips 6349 180)

Quarteto em Cy - Antologia do Samba Canção Vol. 2 (1976) a    Quarteto em Cy - Antologia do Samba Canção Vol. 2 (1976) b

Preface_Item_AltaFelididade_2nd_short_without-logo

 

MEU NOME É NINGUÉM

Foi assim • a lampada apagou • A vista estremeceu e um beijo então se deu • E veio a ansia louca, incontida do amor • E depois daquele beijo então • Foi tanto querer bem que alguém dizendo a alguém • Meu bem, só meu, meu bem

E que nosso céu onde estrelas cantavam • De repente ficou mudo • Foi se o encanto de tudo • Quem sou eu • Quem é você, quem é você

Foi assim • E só deus sabe quem • Deixou de querer bem • Não somos mais alguém • O meu nome é ninguém • E o seu nome também • Também ninguém

Preface_Item_AltaFelididade_2nd_short

Thank you for your response!

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s